Faça como Obama (em sua posse)

obamaNeste momento Michele chegou de mãos dadas com seu marido, mais um presidente americano. Obama é inteligente, competente, high-tech e despertou sonhos. Ah, sim, ele é negro. Já que foi o primeiro, então tudo bem que fiquem por aí obstinados a comentar exatamente isso. Mas, e daí? Negro, amarelo, branco, vermelho. Isso não importa. Todos somos humanos. A partir desta data, vamos esquecer os exageros que insistem caminhar ao lado das questões raciais. Devemos ser indiferentes com tais. Qualquer demonstração de paixão, contra ou favor a uma cor de pele, é preconceituosa. Devemos julgar pessoas, não etnias. Jamais tente favorecer alguma classe de pessoas pela sua cor de pele. Faz mal a elas e a todos.

A maior parte da mídia está equivocada. O status diferenciado de Obama não é ser negro. Sua popularidade se deve a outros fatores, por exemplo, ter pai e mãe Ph.D’s. Obama não é radical. Dos líderes políticos mundiais, ele é o mais prudente e sensato. Busca ouvir sempre todos e tomar decisões sempre com uma perspectiva pragmática. Por isso, os conservadores jornalistas e analistas políticos ficam perplexos, dizem que Obama ainda não mostrou suas posições, sua verdadeira cara. Erram porque esperam algo que Obama não é, um radical. Para Obama, interessa o caso particular e seus resultados. Ele navega por todas os pressupostos teóricos, justamaente porque o pressuposto interessa menos do que seus efeitos.

Por vezes, aqueles que mais combatem o racismo, acabam controversamente por propagá-lo. Quando estamos saudáveis, não lembramos da doença. Esqueçamos a doença cultural do racismo, ignore-a. Faça sua parte: adote para você sua indiferença. Fuja das discussões discriminatórias. Ninguém precisa responder aos racistas. Quando ignorados, eles deixarão de existir. Haja como se a igualdade já existisse. E naturalmente ele virá a existir. É um fato histórico a eleição do primeiro presidente negro da república mais poderosa do globo? É. Neste momento, a posse está acontecendo. Com ela, encerremos o racismo e ponto final. Final, ok? Faça como Obama, evite a discussão racial.

2 Respostas to “Faça como Obama (em sua posse)”

  1. George Candler Says:

    Hello Leandro,

    I recall an earlier comment on your blog about race and affirmative action, expressing similar sentiments. This is, of course, an issue on which differences exist between the United States of (North) America and the Federated Brazilian states of South America.

    I do think it is too easy, though, to declare that race should be ignored. First, it isn’t ignored, overt racism still exists. Second, even if this overt racism is successfully combated, there is still subconscious racism.

    But leaving all that aside, there is still the class-based inequality that our hero Alberto Guerreiro Ramos pointed to in both of our countries, larger than in most other comparable countries in the world. This inequality isn’t suffered equally by the races. This doesn’t (I try to point out in my country) mean we ignore poor white folks. But the Canadians especially use the term ‘visible minorities’ to refer to disadvantaged folks who look different from the majority. Social cohesion is especially threatened in these cases, if these visible minorities feel excluded. Poor whites won’t feel quite this exclusion.

    Finally, there is an old literature about ‘representative bureaucracy’ from the UK and US in the 1940s and 1950s. The argument here was that government would be more effective if it looked like the community it served, and was able to draw on the insights of the whole community.

    I could go on, and have! I was supposed to have a short article published in Revista da ANGRAD, but the journal contents are password protected on the ANGRAD website. Do you know if the article has come out?

  2. Sérgio Nascimento Says:

    Concordo plenamente que as discussões sobre etnia não devem continuar. A questão pode até não ser esquecida, mas deve se dar força ao novo conceito: que diferença faz a cor?

    Por esse motivo, também sou contra as cotas.

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s


%d bloggers like this: